Bola de Cristal (1986-88)

O fanzine Bola de Cristal serviu de “órgão oficial da Torre do Necromante”, o primeiro clube de jogos de personagem do país. Apesar de ter contado apenas com três números, saídos entre 1986 e 1988, foi a única publicação portuguesa deste tipo da década de 80, pelo que o seu conteúdo original e o tom apaixonado e amador com que foi produzido ilustram de forma notável os anos iniciais da comunidade de RPG em Portugal.

A Torre do Necromante, fundada por um grupo informal de jogadores pioneiros sob a tutela de Alfredo Ferreira, esteve em actividade entre 1985 e o início dos anos 90. O clube situava-se no bairro lisboeta de Alcântara, na Academia de Santo Amaro, uma associação cultural e recreativa com raízes populares que remontam ao século XIX. O colectivo acolheu a criação de um “núcleo de jogos de personagem”, apesar de as relações com a direcção se terem revelado por vezes tensas, que abria semanalmente as portas e chegou a contar com algumas dezenas de associados.

Tal como outros fanzines da época dedicados a temáticas diferentes, os três números de Bola de Cristal foram fotocopiados em P&B e agrafados, combinando textos e ilustrações originais com cópias de materiais provenientes de produtos comerciais, em língua inglesa. De número para número, verifica-se pouca continuidade no que diz respeito aos articulistas, ilustradores e critérios gráficos; cada edição apresenta uma voz própria.

Os jogos tratados reflectem as preferências predominantes entre os jogadores do clube; assim, os artigos para RuneQuest (2ª e 3ª eds.) ocupam a maioria das páginas dos N.ºs 1 e 2, ao passo que o N.º 3 é inteiramente focado em AD&D (1ª ed.). O único outro sistema a ser referido é Star Frontiers, uma das primeiras incursões da editora TSR na ficção científica, que no N.º 2 conta com um artigo relativamente extenso.

Bola de Cristal, N.º 2, Março de 1987, p. 17.
A velha guarda portuguesa diz “Fight On!”. Bola de Cristal, N.º 2, Março de 1987, p. 17.

Com excepção das passagens inglesas, copiadas directamente do suplemento Questworld (1982) e da revista White Dwarf N.º 42 (Junho de 1983), os textos ocupam-se sobretudo das campanhas de jogo em curso no clube, abordando vários aspectos dos respectivos mundos e variantes caseiras de regras. Nesse aspecto, o primeiro artigo do N.º 1 é particularmente interessante, já que apresenta uma espécie de regras oficiais do clube para campanhas de RuneQuest, fazendo lembrar os rudimentos dos modelos de jogo organizado, hoje em dia tão em voga.

A peça intitulada “Morte ao Caos”, nas pp. 18-19 do N.º 2, destaca-se pelo teor. Trata-se de um artigo de opinião que critica o excesso de regras e a enfâse simulacionista nos confrontos bélicos da 3ª ed. de RuneQuest. A referência ao confronto entre roll-play e role-play – os termos usados são quase estes – ilustra a antiguidade (e circularidade!) de algumas discussões recorrentes sobre teoria dos jogos de personagem.

Rui Zuzarte, o autor, escreve que “ (…) o fundamental é a percepção de que um jogo de personagem não é uma corrida de cavalos, o valor dos personagens deve medir-se não pela capacidade de estar em batalha, mas pelo grau de desenvolvimento psicológico das personagens, por isso é que é Jogo de personagem e não Wargame.”

É devida uma última referência às ilustrações do fanzine, que, apesar de muito datadas, capturam na perfeição o ambiente e o espírito da época. Veja-se, por exemplo, a excelente tira de banda desenhada da p. 20 do N.º 1, que evoca de forma muito competente o trabalho de Tom Wham.

Bola de Cristal, N.º 1, 1986, p. 20.
A tradição dos cartoons de RPG, ao estilo de Dave Trampier, Tom Wham, Phil Foglio e Larry Elmore. Bola de Cristal, N.º 1, 1986, p. 20.

O interesse histórico de Bola de Cristal não se esgota obviamente nesta breve apresentação; os três números, que aqui se disponibilizam em PDF, merecem uma leitura integral.

Bola de Cristal N.º 1, Março 1986

Bola de Cristal N.º 2, Março 1987

Bola de Cristal N.º 3, 1988?

Obrigado ao Sérgio Mascarenhas pelas digitalizações.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s